O que é ESG? Aprenda o Conceito, Boas Práticas e Exemplos

Se você está aqui, provavelmente já deve ter ouvido falar sobre o que é ESG. Seja no campo das finanças ou no meio empresarial, o termo ESG se espalhou rapidamente, por ser algo de grande importância para o universo corporativo.

Neste artigo vamos aprender qual é o conceito que está por trás dessa sigla e o real impacto nas organizações que estão adotando o ESG como algo estratégico para seus modelos de negócios.

Você quer estar em uma empresa que, além de ser organizada de forma a potencializar a sua evolução, esteja com o olhar voltado para o futuro? Então fique conosco nesse artigo e você vai entender de uma forma simples e didática o que é ESG, para que possa desenvolver uma estratégia empresarial muito mais sólida e madura.  

Índice:

1) Qual é ESG e o que significa?

2) O que é ESG na prática?

3) Por que o ESG é importante?

4) Como implantar ESG em uma empresa?

5) Como estruturar ESG?

6) Quais os principais impactos do ESG nas empresas e na sociedade?

1) Qual é o significado de ESG?

ESG significa Environmental, Social and Governance, que se traduz como Ambiental, Social e Governança. É uma estrutura que foi estabelecida para medir a sustentabilidade dos investimentos.

Essa estrutura tem sido amplamente adotada por investidores, governos e empresas para medir seu impacto na sociedade, meio ambiente e governança.

As empresas estão adotando cada vez mais práticas ESG para impulsionar sua estratégia de negócios. Eles estão procurando novas maneiras de melhorar sua responsabilidade social e desempenho de sustentabilidade.

2) O que é ESG, na prática? 

O ESG é uma estrutura para medir o desempenho de sustentabilidade das empresas. É também um conjunto de diretrizes de investimento que ajuda os investidores a identificar e evitar empresas não-sustentáveis.

Ambiental: Refere-se a como uma empresa gerencia seu impacto no meio ambiente. Por exemplo, se uma empresa está liberando muito dióxido de carbono na atmosfera ou não está reciclando nenhum de seus resíduos, ela terá uma classificação baixa nessa escala.

Social: Refere-se à forma como uma empresa trata seus funcionários e as comunidades em que atua. Por exemplo, se a empresa não oferece nenhum benefício aos seus funcionários ou não os paga o suficiente, ela terá uma classificação baixa nessa escala.

Governança: Refere-se a como uma empresa é administrada e governada internamente. Por exemplo, se o conselho de administração for todo amigo um do outro e não houver uma separação clara entre administração e propriedade, ele terá uma classificação baixa nessa escala.

3) Por que o ESG é importante?

O termo ESG é usado para se referir aos riscos ambientais, sociais e de governança associados às atividades de uma empresa. O ESG está em uso há mais de 30 anos: o termo foi usado pela primeira vez na década de 1980 por investidores que queriam saber se as empresas estavam levando em consideração o meio ambiente, a sociedade e a governança ao tomar decisões.

O ESG tem sido um fator importante ao investir em ações de uma empresa, pois mostra o se onegócio está sendo bem gerenciado, e como estão sendo tratados funcionários e clientes. Logo, aplicar ESG nas práticas empresariais mostra que seu negócio é confiável e seguro.

Considerando a importância que o ESG tem tido para os investidores fica claro como é importante que o seu negócio siga suas diretrizes, de modo a atrair os potenciais investidores para sua empresa.

4) Como implantar ESG em uma empresa?

O ESG é um conjunto de padrões que permite às empresas medir e gerenciar seu impacto ambiental, impacto social e práticas de governança.

O processo de implementação ESG tem três etapas:

1. Identifique as questões ESG mais relevantes para a empresa

2. Escolha uma estrutura que será usada para resolver esses problemas

3. Implemente a estrutura escolhida de maneira apropriada

A implementação do ESG pode levar à maior lucratividade e sucesso a longo prazo para as empresas. Também pode ajudar na redução de riscos para o negócio.

5) Como estruturar ESG?

A ideia por trás do ESG é que as empresas devem ser responsabilizadas por seus impactos ambientais e sociais. ESG é uma forma de medir a sustentabilidade das operações, produtos e serviços de uma empresa.

O padrão atual de ESG é publicar um relatório anual em seu site. Este relatório deve incluir:

– Uma lista de todos os riscos ambientais, sociais e de governança identificados pela empresa durante o ano;

– Uma descrição de como esses riscos foram gerenciados;

– As ações tomadas pela empresa para reduzir a exposição ao risco;

– Os resultados alcançados em termos de gestão de risco.

6) Quais os principais impactos do ESG nas empresas e na sociedade?

As empresas estão cada vez mais analisando como o ESG impacta seus negócios.

Alguns dos principais impactos do ESG nas empresas são:

– Melhor compreensão de sua cadeia de suprimentos;

– Redução de riscos na cadeia de suprimentos;

– Criação de um melhor ambiente de trabalho para funcionários e fornecedores;

– Redução de custos e melhoria da eficiência através da gestão de custos;

– Melhoria no relacionamento com os clientes criando um modelo de negócios sustentável.

Conclusão:

Esperamos que o conceito de ESG esteja mais claro para você, e que possamos ter te ajudado a compreender o quanto ele é importante e o tamanho de seu impacto não apenas para o seu negócio, mas para todo o mundo.

A aplicação de ESG pode parecer complexa no começo, mas além de transformar o seu negócio em algo mais confiável, ético e bem visto aos olhos de seus potenciais clientes e financiadores, será também um investimento. Um investimento em sua organização, seus funcionários, e mais importante, no seu futuro.

Compartilhe

Deixe um comentário